A edição do Diário Oficial do Estado (DOE-PB) deste sábado (18) valida a prorrogação das medidas de isolamento social adotadas pelo governo do estado aos municípios com casos confirmados de Covid-19, doença que é causada pelo novo coronavírus.

Segundo o documento, as medidas são válidas para as cidades e suas regiões metropolitanas. Inicialmente, o primeiro decreto estendia-se até amanhã (domingo, 19). O governador João Azevêdo definiu ampliar as medidas com a evolução da doença no estado.

Até ontem (sexta-feira, 17), a Paraíba havia registrado 28 mortes e 205 casos da doença. Portanto, desta forma, o decreto de isolamento entende-se até o dia 3 de maio.

No entanto, o governo permitiu a reabertura de óticas e estabelecimentos que comercializem produtos médico/hospitalares. Estes, poderão funcionar, exclusivamente, por meio de entrega em domicílio e/ou como ponto de retirada.

Também fica permitido, a partir de segunda-feira (20) de abril, o funcionamento de concessionárias de veículos automotores novos e usados, “vedando-se a aglomeração de pessoas e observando o horário de funcionamento estabelecido nos decretos municipais que regulamentarem a matéria” diz o documento.

“Os estabelecimentos autorizados a funcionar, por este decreto, e também pelos decretos 40.135/20, 40.141/20 e 40.169/20, ficam obrigados a fornecer máscaras para todos os seus empregados, prestadores de serviço, colaboradores e clientes, sendo vedada a permanência de qualquer pessoa no interior do estabelecimento, ou em fi las para atendimento formadas do lado de fora, sem a utilização de máscaras”, completa.